terça-feira, 5 de abril de 2011

"Tenho fases, como a lua.
Fases de andar escondida,
fases de vir para a rua...
Perdição da minha vida!
Perdição da vida minha!
Tenho fases de ser tua,
tenho outras de ser sozinha..."

(Cecília Meireles)

Nenhum comentário:

Postar um comentário